VINTAGE / THE MARVELOUS EDITH HEAD

4:40 da tarde


Cresci a adorar o trabalho desta Senhora, e não sabia.

Sempre gostei de cinema, e desde cedo fui descobrindo filmes que, às vezes mais do que o enredo, a imagem das personagens me inspiravam. A linguagem visual de alguns filmes, como por exemplo os do fenomenal Alfred Hitchcock, acompanham-me desde criança. Só mais tarde pude perceber que a responsável por este imaginário que eu adorava, se chamava Edith Head, a maravilhosa Edith Head. Americana da Californiacomeça a trabalhar aos 26 anos para a Paramount Pictures em Hollywood,  e assim foi o princípio de uma carreira absolutamente brilhante.

Esta senhora foi nomeada 35 vezes pela a Academia para o Best Costume Design Award, e ganhou ao longo da sua carreira 8 Óscares para Melhor Guarda Roupa, sendo até hoje, a mulher que mais Óscares ganhou em Hollywood. Edith, teve uma carreira brilhante, onde pôde mostrar a excelência do seu trabalho em filmes como All About Eve, The Sting, Sabrina, The Birds, entre muitos outros, trabalhando com muitos atores e atrizes de culto, como Audrey Hepburn, Bette Davies, Elizabeth Taylor, Grace Kelly, Tippi Hedren, para além de tantos outros. Edith Head, foi sem dúvida uma das pessoas que mais inspirou, em termos de sentido de estilo e moda, toda uma geração, através da sua visão requintada e inteligente e com o seu bom gosto. O imaginário delicado e extraordinário do seu trabalho, é sem dúvida uma das minha grandes referências.

Com Grace Kelly nos bastidores do filme To Catch a ThiefEdith gostava de consultar as atrizes sobre as suas personagens, para aprofundar e melhor desenvolver a imagem adequada. Para este filme, Alfred Hitchcock, permitiu que a sua figurinista Edith Head, comprasse alguns acessórios de luxo da Hermès. Segundo Edith Heada Grace Kelly apaixonou-se perdidamente por esta mala. 
Em 1956, depois de casar com o príncipe Rainier III do MónacoGrace Kelly foi fotografada várias vezes com a mala da Hermès. Grace Kelly, que era muito bonita e extraordinariamente elegante, tornou-se um ícon da moda. E a mala ficou instantaneamente conhecida como a Kelly Bag. 

Símbolo de status, a Kelly bag, ainda hoje é um dos maiores best sellers da Hermès e tudo porque Edith Head a escolheu para completar o styling que para ela fazia sentido, que a sua personagem tivesse.



Os primeiros desenhos dos looks e os fatos já produzidos para o filme Rear Window com Grace Kelly.

Um dos meus momentos preferidos de sempre, Grace Kelly a ler a Harper's Bazar no filme Rear Window, em português a Janela Indiscreta.

A mostrar uma hipótese para um look a Alfred Hitchcock, com Ingrid Bergman no set do filme Notorious.

No set do filme Family Plot.


No set do filme Marnie.




Marnie com Tippi Hedren, vi tantas vezes este filme, absolutamente perfeito.

Um desenho de figurino para o filme The man who knew to much.

Desenho de figurino para o filme Vertigo.


Desenho de figurino para o filme The Birds.

Com Audrey Hepburn nos bastidores do filme Sabrina.


Edith Head foi a inspiração para a excêntrica e deliciosa personagem do filme da Disney/Pixar's The Incredibles. Vale a pena ver o filme para poder apreciar Edna Mode.

Com os seus 8 Óscares da Academia, aos quais chamava de seus filhos.


Google Doodle, a imagem que o Google fez para homenagear Edith Head no dia em que faria 116 anos.







You Might Also Like

0 comentários

Com tecnologia do Blogger.

Get Awesome Stuff
in your inbox